sexta-feira, 29 de março de 2013

UMA ORAÇÃO PARA ALMAS QUE ESTÃO DEIXANDO A TERRA


UMA ORAÇÃO PARA ALMAS QUE ESTÃO DEIXANDO A TERRA

UMA ORAÇÃO PARA ALMAS QUE ESTÃO

 DEIXANDO A TERRA

Amada Presença de Deus EU SOU, nos corações de toda a humanidade, amado São Miguel Arcanjo e vossas hostes angélicas:

Em nome das almas da humanidade especialmente daquelas que deixaram as suas formas mortais recentemente, vítimas do incêndio em uma boate, em Santa Maria,no Rio Grande do Sul faço este chamado.

Que os anjos da paz fiquem junto do corpo físico de cada alma e mantenham numa paz perfeita a aura e sentimentos dos seres que estão deixando a oitava física e daqueles que estão assistindo a essa libertação.

Pela presença dos serafins de Deus, que a aura de santidade seja mantida na hora solene da transição, para que a alma possa ser libertada do seu tabernáculo físico pelas legiões dos Arcanjos Miguel, Gabriel, Rafael e Uriel.

Que todo o medo e dúvida, dor pela separação e desgosto pela partida de seres queridos sejam consumidos pelos anjos de chama violeta do Arcanjo Zadkiel, para que as almas que estão no limiar de uma nova liberdade não sintam qualquer angústia.

Que os anjos de libertação do Senhor recebam cada alma. Que nenhum portador de luz das evoluções da terra passe pelo véu da assim chamada morte sem ser assistido.

De acordo com a sua vontade, que todas as crianças de Deus sejam levadas aos templos da misericórdia e do perdão e sejam banhadas nos fogos purificadores da chama violeta de Saint Germain.

Que elas sejam preparadas para se apresentarem perante os Senhores do Carma na dignidade do seu Eu Crístico e com plena e consciente percepção; que cada uma delas seja enviada para uma sala de aula da Vida e receba a oportunidade para estudar a Grande Lei, de acordo com a sua evolução.

Invoco os senhores da Misericórdia e do Amor para que envolvam aqueles cujos entes queridos estão prestes a deixar a terra ou a deixaram recentemente, para que transmutem e consumam todo o desgosto e sentimento de perda, e para que preencham cada coração e cada lar com a paz e a compreensão da oportunidade que é concedida às almas chamadas a outros reinos para progredirem na senda da vida eterna.

Que assim seja!

Acredito que isto já está consumado feito em nome do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.
Amém.

quinta-feira, 28 de março de 2013

MÃE MARIA E O CHACRA CARDÍACO DA TERRA


MÃE MARIA E O CHACRA CARDÍACO DA TERRA




pela Mãe Terra
Mensagem canalizada através de Natalie Glasson
12 de Março de 2013.


É com amor que eu abençôo a Terra em que vocês vivem, bênçãos pela sua forma e expressão sagrada de vida, em apoio pela sua representação do Criador na Terra. Eu Sou a Mãe Terra e compartilho com vocês agora, através da consciência do meu chacra cardíaco.

Estou me conectando com vocês a partir do meu chacra cardíaco, diretamente ao seu chacra cardíaco, para compartilhar e transmitir de uma forma amorosa e verdadeira, originada do amor puro incondicional do Criador.

Em primeiro lugar, gostaria de expressar a minha gratidão e o meu amor mais intenso a cada trabalhador da luz na Terra, por abrir o seu coração ao Criador, para si mesmo e para a Terra, de uma maneira mais profunda nos últimos meses.

Estou aqui para refletir a sua beleza e assim eu experienciei um profundo despertar e expansão do meu chacra cardíaco. E é o mesmo com o seu ser; o meu chacra cardíaco estava cheio de dor e de negatividade, incapaz de resplandecer a luz da minha essência.

Com o tempo e o apoio da humanidade, o estado do meu chacra cardíaco foi se alterando, e muito amor me foi apresentado, a fim de criar uma profunda limpeza e cura em muitos níveis energéticos. Tal como acontece com o seu próprio chacra cardíaco, permanece sempre aspectos a serem liberados, purificados e curados.

O corpo pode direcionar vibrações para uma maior cura para o chacra cardíaco e assim há sempre um processo de renovação, de despertar e de compreensão ocorrendo no chacra cardíaco: é o mesmo para todos. Agora, como ocorre com vocês, o meu chacra cardíaco está se manifestando de forma forte e expansiva, pronto para curar e ser curado.

Agora mais do que nunca, o poder da natureza mais bela e amorosa está sendo fortemente projetado a partir do chacra cardíaco. O coração pode muitas vezes, ser suscetível à dor e pode muitas vezes, estar em um processo de mudança de tudo o que está em uma maior vibração de amor, mas o chacra cardíaco está agora emergindo do interior de todos nós e do meu próprio corpo como um poderoso portal para o fluxo do amor, da verdade e do despertar.

Após 8 de Março de 2013, a vibração da Deusa foi ancorada.

A vibração da Deusa foi e continuará a ser ancorada em todos os aspectos da Terra e em seu chacra, mas foi após este dia que os seres de luz nos planos internos e alguns seres de luz da Terra, conectados como um, reuniram-se para ajudar na ancoragem de uma nova vibração da Deusa no chacra cardíaco do meu ser.

Neste momento na Terra, está ocorrendo um belíssimo processo de renovação e de regeneração. As energias e ativações de Dezembro de 2012 abriram realmente o meu chacra cardíaco, permitindo que muita sabedoria antiga, armazenada para ser liberada e transmitida, retornasse à Humanidade e às grandes almas antigas que vivem na Terra.

Desde este momento, a Terra e a humanidade foram se acostumando às novas vibrações de ancoragem da alma do Criador e que emergem da alma sagrada do Criador em todos, incluindo em mim mesma.

Em muitos sentidos, há uma necessidade de que tudo seja realinhado, a fim de acessar as novas vibrações e a consciência que estão sendo proporcionadas. A vibração da Deusa tem uma profunda influência em meu ser, pois para mim ela mantém códigos sagrados do despertar, manifestando ainda mais harmonia em todo o meu corpo e no mundo.

A vibração da Deusa já foi realinhada em meu chacra sacral, no chacra da paz do meu terceiro olho, no chacra da verdade do meu plexo solar e no chacra da alegria do meu chacra raiz. Em cada chacra há bolsões de energia das vibrações, semelhantes a mini chacras, dedicados a despertar determinadas vibrações e qualidades do Criador. O mais notável e mais completo despertar esteve e está agora ocorrendo em meu chacra cardíaco. Vocês podem reconhecer o mesmo em seu próprio ser também.

Em 8 de Março de 2013, os seres da Deusa nos planos internos, conectaram a sua vibração de energia com o meu chacra cardíaco, o Tor de Glastonbury. Envolvendo o meu chacra cardíaco, eles cantaram a harmonia entre a antiga consciência da Deusa e a nova expressão vibracional da Deusa na Terra. Suas vozes unidas eram como um mágico bálsamo para o meu coração, pois as suas vozes carregavam a luz e a consciência do despertar e da harmonia da Deusa, girando em meu coração.

Foi então que a vibração e a sabedoria feminina, há muito tempo mantida em meu chacra cardíaco, começaram a ser carregadas por uma suave névoa rosa a partir do meu centro cardíaco, espiralando acima em expressão e expansão com o foco de conexão com todos os aspectos da alma e a fonte do Criador.

Foi então que os Seres Angélicos Dourados da Consciência Crística se reuniram com a energia da graça, em apoio e para manter a energia da regeneração e realinhamento em meu chacra cardíaco. Sua presença iluminou a Terra, permitindo que muitas sombras nos corações de muitos seres na Terra fossem dissolvidas e dispersas, enquanto as suas almas se estendiam para saudar a graça, a unidade e o amor angélico altruísta, proporcionados pelos Seres Angélicos Dourados da Consciência Crística.

Imaginem o seu próprio chacra cardíaco sendo envolvido por 22.200 vibrações, seres e qualidades da Deusa e por milhares de Anjos Dourados. Vocês podem reconhecer a beleza desta experiência, assim se permitam experienciar a felicidade. Em seu próprio espaço sagrado e tempo, vocês podem invocar estes seres sagrados para envolvê-los, alinhando o seu próprio coração com a vibração da Deusa para despertar, curar e transformar ainda mais o seu chacra cardíaco. Como eu, vocês têm também o direito divino de experienciar esta regeneração tão bela.

Foi então que a consciência de muitas almas sagradas que são os guardiões e guardiãs da vibração e da consciência da Deusa, transmitiram a sua verdade e tudo o que era necessário para Tor e o meu chacra cardíaco para um maior despertar e compreensão da vibração da Deusa.

A alma que encarnou como Mãe Maria na Terra se tornou quase plenamente presente na Terra. Sua energia foi transmitida tão profundamente na Terra e no chacra cardíaco do meu ser, que ela se tornou tão ancorada e presente quando poderia sem um corpo físico. Não por muito tempo eu senti a energia de carinho e de conforto de Mãe Maria, tão intimamente conectada ao meu ser.

Honro e amo a suave vibração que cada um de vocês compartilha com a minha vibração, como almas na Terra, mas eu trabalhei e me conectei intimamente com Mãe Maria, pois ela tem auxiliado na cura e proteção de minha energia nos planos internos. Sentir a vibração dela tão próxima a minha forma física foi divinamente belo para mim.

Como a Mãe Terra, estou trabalhando com muitos Mestres e seres de luz e em muitos sentidos como vocês, tenho um desejo de estar em harmonia com o Criador: Esta é a nossa força motriz que apóia a nossa dedicação a nossa missão e a constante necessidade de descobrir e de expressar a nossa verdade.

Mãe Maria se tornou manifestada tanto quanto possível no corpo de Torhannah, um aspecto anterior de si mesma, ainda existente nas bases de Tor, mas ela também se manifestou no centro do meu coração, pronta e disposta a ser recebida como um aspecto do amor do Criador por todos. Mãe Maria despertou e ativou o DNA de todos para a vibração do amor incondicional.

O despertar do amor incondicional dentro do DNA da humanidade ocorrerá muitas vezes, em muitas formas diferentes, em todo o mundo, enquanto vocês rejuvenescem agora todo o seu ser para se manifestar como o seu sagrado eu divino e preparar o seu corpo físico para maior aceitação de seu próprio Criador em um estado plenamente manifestado da existência na Terra.

Eu também fui orientada a compartilhar com vocês que muitos mestres, tais como Mãe Maria, irão se manifestar na Terra, em determinadas mudanças sagradas, no despertar ou no rejuvenescimento. Eles ancoram a sua energia e se tornam tão presentes quanto podem sem um corpo físico, permanecendo em seus locais sagrados escolhidos na Terra, por um determinado e breve período.

Muitas pessoas podem se sentir guiadas a estar em determinadas áreas da Terra, em determinados momentos, a fim de receber sabedoria, consciência, energia e amor destes mestres semi manifestados. É um processo orientado pelo Criador para criar uma ponte entre a Terra e os planos internos, permitindo que muitos alcancem um processo acelerado de despertar, enquanto eles se fundem como um com o Mestre, despertando instantaneamente energias, frequência e códigos desconhecidos dentro do seu ser.

Este processo poderia ser denominado Integração Física do Mestre Ascensionado.

É um processo que irá inspirar mais muitos seres a entrar eu seus eus mestres, enquanto ajudam na incorporação das frequências essenciais de elevada vibração dentro de muitos na Terra, para que sejam distribuídas a todos.

O retorno do Criador e dos Mestres Ascensionados na Terra está se iniciando, pois eles começam a se manifestar para transmitir e despertar informações essenciais naqueles que são guiados a receber e a baixar para a sua consciência. 

É importante lembrar que os mestres ascensionados são simplesmente aspectos de sua alma e assim todos nós estamos embarcando em uma jornada maravilhosa de unidade e de auto-integração.

Nestes momentos de integração, de unidade e de fusão de energias, é sempre importante lembrar que vocês podem deixar para trás aspectos de vocês desnecessários, a fim de receber e de perceber novos aspectos seus: este é o processo de regeneração e é o que está ocorrendo nesta fase da ascensão na Terra.

Vocês podem, em meditação, invocar as minhas energias para canalizar em seu ser as energias de 8 de Março de 2013, a fim de despertar mais ainda o seu ser.

É com amor e gratidão que eu compartilho a minha comunicação com vocês.

Mãe Terra
www.omna.org
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

ENERGIAS IMPLACÁVEIS


ENERGIAS IMPLACÁVEIS

Mensagem de Karen Bishop

25 de Março de 2013.

“Alguma coisa dura para sempre?

Eu não sei.

Talvez estejamos perto do fim.” – Kenny Loggins

“Eu não mais farei isto! Cansei, cansei, cansei!” Olááá!” “Isto é absolutamente inaceitável! “Eu não posso suportar nem mais um minuto. Deixe-me sair daqui... agora!!” “Por favor, Deus, leve-me para casa. Meu pequeno fio restante se rompeu há muito tempo, e não há nada, nada que restou de mim. Eu não irei sobreviver a isto. Senhor! Leve-me para casa. Por favor, leve-me para casa.”

Se  proferiu algo assim, ultimamente, você não está sozinho. As energias estão mais do que implacáveis com mais, mais e mais purificação ocorrendo. Qualquer esperança de levantarmos as nossas cabeças foi aparentemente afastada. Resolvemos uma situação de saúde muito desagradável e em minutos, chega uma ainda mais desagradável. Avalanches após avalanches de circunstâncias difíceis e aborrecidas aterrissaram em nossas cabeças e nossas cabeças não tinham se erguido ainda quando fomos empurrados novamente.

Noites insones quando precisamos de descanso mais do que nunca, indisposições estomacais, opressão e sobrecarga, fraqueza e fadiga e uma lista interminável de outras enfermidades estão incomodando quase todos nós. Nossos piores pesadelos e desafios, cada vez maiores, estão chegando rapidamente e não podemos ver como poderíamos suportar mais. Simplesmente, não restaram reservas de energia dentro de nós para lidarmos com qualquer coisa. E, então, subitamente e de forma precipitada, uma grande carga de “paz” e, algumas vezes, de “alegria”, e em outros momentos, é impossível perceber o que está chegando, pois estamos, fisicamente, tão desconfortáveis, que mal podemos funcionar e vermos fora de nossa última indisposição.

Podemos olhar pela janela quando acordamos a cada manhã e as coisas podem parecer estranhamente agradáveis, adequadas, como se realmente, estivéssemos em algum lugar muito novo, finalmente, mas então os nossos corpos não parecem estar em alinhamento com a cena que está agora diante de nós. Mas é precisamente isto. Estamos nos alinhando com onde estamos, e nos purificando mais e mais. Descargas regulares de energia mais elevada estão chegando em doses regulares e muito próximas, juntas. Oh, estas dores do nascimento! Um parto intenso, quase como uma grande dor de parto, está agora sobre nós. Às vezes eu me pergunto se estarei viva para o grande nascimento... honestamente. E então, uma grande onda de esperança e de clareza surge inesperadamente e me dá mais um dia, quando eu pensava que os meus dias deveriam certamente ter terminado.

Desafios mais do que opressivos estão certamente ao nosso lado, mas também está a energia da nova realidade. Estamos fazendo malabarismos entre as duas... muitas vezes as experienciando ao mesmo tempo, quando uma parte de nós está agudamente forte, muito presente e consciente, e em outros momentos, pode parecer como se estivéssemos nos abismos de algum inferno louco, ou que os nossos corpos tivessem sido sequestrados por algum cientista louco para ele fazer o que quiser. Pergunto-me se teríamos concordado com esta tarefa se tivéssemos conhecimento do quão desafiador e quase impossível isto iria terminar. Mas estamos aqui, agora e quase em casa... o novo lar de nosso céu na terra.

Do meu coração para o seu,

Karen

Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

quarta-feira, 27 de março de 2013

VOCÊ TEM ENERGIA CRISTAL?


VOCÊ TEM ENERGIA CRISTAL?
Mensagem de Jennifer Hoffman
27 de Março de 2013.
crian%C3%A7a cristal photo: BLUEEARTHANGEL.gif
A energia Cristal é uma marca energética profundamente espiritual e intensamente empática que veio em primeiro plano em adultos nascidos nos anos 50 e 60 e nas gerações mais jovens nascidas após 1976. Os primeiros Cristais trouxeram uma forma altamente concentrada de energia Cristal para o planeta, preparando-o para as crianças que viriam mais tarde. A energia Cristal é zelosa, sensível, muito intuitiva e muito conectada espiritualmente. Esta energia não se integra bem à terceira dimensão, e tê-la, pode ser opressiva, especialmente em um mundo que é tão focado materialmente.
Os Cristais são altamente empáticos, o que os obriga a permanecer fora da tendência atual, porque simplesmente, eles sentem muito. Enquanto os Índigos são rebeldes e têm uma ação orientada, os Cristais são mais tranqüilos, pacientes e, embora eles não sejam tão agressivos quanto os Índigos, eles não são menos persistentes. Eles preferem agir quando sentem que a energia é adequada para eles, em vez de assumir o comando. Os adultos Cristal começaram o movimento espiritual nos anos 70 e 80, escrevendo sobre temas que ninguém conhecia ou compreendia, mas persistiam em seus esforços, contentes em permanecer em segundo plano, sabendo que, eventualmente, o que foi uma vez considerado como “estranho”, seria a tendência atual, como é hoje.
Os Cristais estão aqui para criar o equilíbrio espiritual, para nos ensinar como integrar os nossos aspectos espirituais e materiais, viver no Céu enquanto na Terra. Mas a polaridade crescente do processo de ascensão foi difícil para eles e eles sentiam que entravam no espaço energético da Terra muito antes que estivesse preparado para eles. Eles ficam mais confortáveis em um ambiente altamente espiritualizado, convidativo, acolhedor, gentil e o que encontraram, parece tudo menos isto. Eles podem sentir como se estivessem vivendo em dois mundos, o mundo tranqüilo, seguro de sua própria energia e o mundo exterior que eles sentem que não os compreende e nem os aprecia. Ser sensível energeticamente cria uma falsa sensação de medo, pois eles, muitas vezes, não sabem como separar a sua energia daquilo que sentem que está ao redor deles. Como curadores naturais, eles se precipitam para curar a energia, em vez de recuar e aplicar a energia de cura em um nível mais elevado com que eles estão mais confortáveis.
Mais do que os outros, eles sentem as mudanças e liberações poderosas de energia de hoje e o medo que muitas pessoas estão passando neste momento.  Por eles serem tão empáticos e terem um potencial de cura tão forte, eles devem trabalhar arduamente para não se integrarem à negatividade em torno deles e tentarem transmutá-la sozinhos, o que pode criar a depressão, ansiedade, angústia, doenças físicas e esgotamento energético.
Os Cristais parecem velhas almas, sábios em questões espirituais, mas frequentemente muito inocentes quando se trata de assuntos do mundo material. Seu maior desafio na vida é permanecer ancorado, focado e em sua energia, além de não excluir o mundo e se retirar para o seu próprio espaço energético seguro. Ao equilibrar a sua empatia com o desapego, estabelecendo fortes limites energéticos e usando as suas habilidades de cura a partir de um ponto de poder, em vez de agirem como mártires, eles oferecem soluções a muitos dos problemas do mundo e podem ajudar outros a encontrar a capacitação no interior dos seus próprios centros espirituais. Sem o desapego, contudo, eles podem facilmente perder o foco, ficando não ancorados e flutuando através da vida, em um tipo de limbo energético.
As energias: Cristal e Índigo trabalham juntas para oferecer uma solução completa ao mundo, identificando desafios e proporcionando alternativas de transformação. Dado o tempo, o espaço e o incentivo, a energia Cristal ilumina, apóia, guia e direciona a transformação profunda da energia mais densa para as suas oitavas superiores. A mensagem dos Cristais enfatiza a cura e o amor incondicional, quando eles podem permanecer focados no valor dos seus dons e usá-los para elevar o mundo ao redor deles. Seus dons estão nas artes, na música, em compartilhar informações, ensinamento, canalização, empatia, compaixão e cura a um nível da alma. Incentivar a expressão da energia Cristal em si mesmo, em seus filhos e outros, cria aberturas energéticas para um mundo que está nascendo, enquanto o velho mundo está morrendo, para criar a poderosa transformação do céu na terra, enfatizando a empatia e a compaixão, e encontrando o equilíbrio espiritual em um mundo focado materialmente.
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Jesus – “Não se pode encontrar soluções unindo-se à escuridão nos conflitos dela” – 27.03.2013


Jesus – “Não se pode encontrar soluções unindo-se à escuridão nos conflitos dela” – 27.03.2013


Nós somos Um, Deus e toda a criação, toda consciência senciente, todo e cada humano encarnado (que tem estado, está agora ou entrará nesse estado de encarnação humana), tudo que existe.
Vocês sabem disto porque lhes tem sido dito mais do que o suficiente, e lá no seu fundo sua intuição lhes diz que é verdade, apesar de que, como humanos encarnados, vocês não experimentem pela maior parte do tempo.
São poucos os que tiveram encontros rápidos e extáticos com essa Unidade, mas enquanto vocês permanecem encarnados, eles somente podem ser temporários, apesar das lembranças ficarem, porque vocês não podem trazer esses encontros para a ilusão, para o tempo, onde vocês aparentam ter sua existência - eles são atemporais, ilimitados, eternos e, portanto, é impossível.
Eles simplesmente não se encaixam!
Mas sabendo, acreditando e tendo fé de que todos são Um, focalizem-se em tratar todos os outros como se eles fossem vocês, e então, o mais importante: tratem-se bem.
Se vocês não se tratam bem - amorosa, bondosa, compassiva e não preconceituosamente - vocês não podem tratar bem os outros.
Claro, isto não significa que vocês devam esperar que os outros sejam como vocês, com crenças e interesses semelhantes, porque existe um número infinito de modos de conhecer Deus, e assumir, como muitos o fazem, que seu modo é o certo, o único, conduz, como vocês sabem muito bem, a um conflito sem fim.
Focalizem-se no fato de que todos são Um, Um com a Fonte de toda existência, descartando ou não levando em conta totalmente provas contrárias, que vocês percebem através de seus sentidos muito limitados com que o corpo humano é dotado.
Fiquem se lembrando da Unidade de tudo da criação divina de Deus, principalmente quando problemas ou situações ocorrem ameaçando deflagrar conflito, que apertam seus botões emocionais e fazem seu ego guerreiro correr em seu resgate!
Quando seus botões emocionais são "golpeados", trata-se de um pedido intenso por amor, então não respondam com defesa ou ataque, porque isto somente deixa o momento mais carregado ou o inflama, intensificando a possibilidade de uma explosão ou colapso emocional.
Respondam pacífica e calmamente, com amor, compaixão e aceitação do outro(s), pois isto traz estas energias, diluindo e então desfazendo a desarmonia emocional que surgiu.
Vocês têm assistência constante de seus guias e anjos para capacitá-los a lidar com estes tipos de situação com compaixão amorosa e sabedoria.
Vocês encarnaram nesta época da evolução da humanidade para fazer isto.
E vocês sabiam que seria difícil, pois estavam totalmente cientes do fato de que vocês estavam entrando num ambiente imaginário onde teriam acesso extremamente limitado à consciência da Realidade, de quem vocês realmente são e do campo de Amor Divino em que vocês sempre estão envolvidos por causa das limitações que seus corpos lhes impõem.
Vocês sabem que estão numa trajetória para despertar, uma trajetória em que vocês têm a orientação divina em todos os momentos; e que toda a humanidade também está numa trajetória para despertar, apesar de que um grande número de humanos permanece inconsciente, adormecido, perdido na confusão em que ilusão os envolve.
E vocês sabem como é porque vocês estão experimentando junto com eles, enquanto têm a vantagem de saber que é um estado temporário, um estado que vocês estão para deixar para trás para sempre quando despertarem.
Vocês têm a força, a coragem para concluir com sucesso a missão em que vocês embarcaram - assistindo a humanidade despertar para que a ilusão possa se dissolver - e vocês sabem disso.
Fiquem se recordando de que é assim, e não se abalem ou sejam influenciados por aqueles que usam os horrores aparentemente muito reais da ilusão para convencê-los de que Deus é a ilusão e que vocês devem lutar pela paz, se for necessário usando armas, destruindo os maus cuja intenção é aterrorizar.
Todos são Um.
O bom e o mal são lados opostos dessa moeda, a Luz e o escuro, e o escuro está sendo atraído para a Luz, onde ele disposta e entusiasmadamente será assimilado, e a ilusão não existirá mais.
As situações que demonstram terror, sem dúvida alguma, são as partes mais escuras da ilusão, e se vocês se virem aparentemente presos nelas, o amor e a compaixão ainda são, e sempre serão, a única resposta.
Tomar lados e unir-se ao combate dá impulso, adiciona energia e provoca até mais sofrimento.
Não se podem encontrar soluções unindo-se com a escuridão nos conflitos dela: a solução é assimilá-la emitindo a Luz de seu Amor brilhante, indiscriminada e determinadamente para todos os cantos e recantos.
Onde há Luz a escuridão não pode existir, e vocês são Mostradores do Caminho e Portadores da Luz de uma intensidade fantástica, e quando vocês escolhem serem vistos trazendo calma e gentileza para a mais escura das situações, a escuridão se dissipa, mistura-se com a Luz e se vai.
Somente existe Deus e o esplendor infinito de Sua Luz Divina.
Seu amoroso irmão, Jesus.
Canal: John Smallman
Tradução: Blog SINTESE http://blogsintese.blogspot.com

quinta-feira, 21 de março de 2013

Textos Inspirados... - "O Amor e os incomodados/The Love and the uncomfortable" - 21.03.2013


Textos Inspirados... - "O Amor e os incomodados/The Love and the uncomfortable" - 21.03.2013



Existe hora, local ou momento certo para se expressar com leveza e se falar de Amor? Existe?

Para os que dizem haver local ou hora para isso, informo-os que o Amor começa a "incomodá-los."
É como se a roupa ou sapato estivessem apertados, não é?

Que bom! Isso é muito bom! Porque daqui pra frente será mais assim. Haverá pessoas que irão testemunhar o amor, não apenas nos locais ditos adequados, mas em todos os locais. Nas escolas, nas ruas, nos ambientes de trabalho. Isso é sinal dos tempos, onde o Novo, O Inusitado, simplesmente vai tomando seu lugar.

Novo? E desde quando o Amor é algo Novo?

Não fique assustado se de repente, em pleno metrô, alguém ao seu lado começar a falar de Amor, ou no Elevador, ou na Padaria. Não se assuste se seu namorado, namorada, companheiro (a) tão fechado (a), começar a falar que as estrelas andam brilhando diferente, e aproveite para observá-las com mais atenção.

Amor não tem contra-indicação. Não queima, não dói, cura mágoas, ameniza desentendimentos, esquecemos rancores e torna a vida colorida, saudável, leve,  prazerosa e os Incomodados  NÃO precisam se mudar.

Beijo no coração de todos. Eu disse Todos.


quarta-feira, 20 de março de 2013

A EVOLUÇÃO DA CONSCIÊNCIA DA TERRA


A EVOLUÇÃO DA CONSCIÊNCIA DA TERRA

Mensagem de Yeshua, canalizada por Judith Coates.

20 de Março de 2013.
Amado, eu gostaria de falar com você agora sobre a evolução da consciência neste planeta. No começo – você gosta de falar de começos e finais, mas, na Verdade, o começo não foi um começo; o começo foi um “vir a ser” que está fora do tempo. Mas dentro do que você consegue entender sob este ponto de vista, o começo era consciência, percepção, existência: uma existência que não precisa verbalizar sua existência para se conhecer. Era um estado de vir a ser, de expansão. E a expansão continua.
De acordo com a sua compreensão do tempo, a consciência estava e ainda está se expandindo na realização do seu vir a ser. E na expansão, atingiu o que você chamará de pensamento, e desejou na expansão se conhecer em todos os sentidos: além até do que você pode imaginar neste ponto de foco. Era/é, como o fermento no pão, uma expansão que tem que ser que não será negada. E na santidade de toda a existência, veio o desejo de se expressar. E o desejo trouxe muitos, muitos reinos, muitas dimensões, muitas realidades da Realidade.
Agora, dentro da realidade que você chama agora de realidade, houve uma consciência maravilhosa ao ver o que podemos criar. E no que você avaliaria como há eons de tempo, antes de qualquer registro na história – e, no entanto, há uma memória profunda nos recessos da mente humana – nós trouxemos da Energia Divina, a luz, que você compreende. É um conceito no reino físico. A energia Divina está mais além  do que a própria luz, mas a luz irá operar muito bem quando você compreender o seu funcionamento neste planeta.
Quando pensávamos criar no mundo físico, pensávamos em trazer o fluxo da consciência da energia divina à forma: a primeira forma como luz. Então, pensávamos em trazer a forma da luz: unir a energia da luz em várias formas que você veria agora como as formas mais imensas, de sóis, de estrelas, de universos. E nós trouxemos os universos físicos como um pesquisador irá fazer: eu penso, e com o pensamento eu trago – e quando eu falo “eu”, é mais do que apenas um indivíduo. É, na Verdade, a Mente Crística. E nós trouxemos os universos mais maravilhosos no que você compreende agora como este reino, esta realidade e outras realidades que não foram tocadas ou medidas, no entanto, neste ponto de foco, embora alguns dos seus videntes tenham visto outras dimensões, outras realidades. E elas são verdadeiras.
Tendo trazido uma estrela maravilhosa que você vê todos os dias surgindo em seu oriente e se pondo em seu ocidente, nós trouxemos outras formas, formas de luz, que você chama de planetas, estando em associação com a estrela em uma dança surpreendente, em um acordo maravilhoso de energia de atração.
Nós nos conhecemos como Energia criativa. E nós observamos o que tínhamos trazido juntos, e o chamamos de bom, como você fez quando teve realizações. E nós celebramos aquilo que tínhamos trazido.
Então, como uma consciência do Ser, nós viemos e vivemos com as criações ao redor de nossa sagrada Mãe, a Terra: os outros planetas, as estrelas, os sóis, apenas por prazer. E você aí estava.
Nós éramos como a Luz que dançava na luz da forma. E nós pensávamos: “O que mais podemos criar?” E não era nem mesmo um pensamento que levou uma fração de segundo de tempo – embora você o avaliasse como milhões de anos – e nós trouxemos as montanhas, os vales, os rios, as nuvens, os vastos oceanos. Nós experimentamos como era estar no vasto oceano e na montanha.
Você tem agora ensinamentos que dizem que há mestres que vivem nas grandes montanhas, nas montanhas sagradas. E isto é verdade. Há uma consciência de grandes mestres que vivem em todas as suas montanhas e em todos os seus vales também, pois cada lugar é sagrado.
E experienciamos o mundo físico como ele era então, trazendo-o mais e mais ao que você experiencia agora, a certa densidade, a uma sintonia, como você o chama. E você estava lá.
Então nós pensamos: “O que mais podemos trazer à forma nesta criação, nossa sagrada Mãe, a Terra?” E nós trouxemos todos os tipos de formas de vida nos oceanos e na terra seca, e nos perguntamos como seria estar nas diferentes formas de vida. Nós trouxemos formas que você conhece agora em suas histórias, chamadas de mitologia. Elas eram formas maravilhosas. E nós trouxemos o que você chama agora de homem/mulher primitivo, e você tem, neste dia e hora uma arrogância que julga aquelas formas como inferiores ao que você é agora. Mas, na Verdade, aquelas formas eram tão maravilhosas como o que você ativa neste dia e hora. A vida em qualquer forma deve ser celebrada.
Nós trouxemos as árvores, as plantas e as flores. Nós trouxemos as maiores e menores do reino vegetal. Trouxemos tudo que você conhece agora, neste dia e hora e mais: muitas formas que você esqueceu.
E na evolução, no contínuo processo do tempo, nós nos tornamos encantados com as criações. Havia um determinado sentimento de orgulho, que evoluiu para a competição. Vários disseram: “Minha criação é mais grandiosa que a sua. Ela será mais rápida do que a sua. ela destruirá a sua.” E havia jogos. Sabíamos que eram jogos. Pois quando uma criação seria consumida por outra criação, instantaneamente iríamos refazer uma criação. Não havia naquele momento a sensação da perda, pois havia ainda o conhecimento da criatividade.
Mas na evolução do tempo, passou a haver um esquecimento da criatividade e do poder do espírito, e o foco estava mais e mais nas criações. E mais distância acreditava-se estar entre o criador e a criação.
No processo de identificação com as criações, evoluiu um sentimento muito forte de separação, o que deu origem a um profundo anseio interior, um sentimento de abandono, um sentimento de saudade, de querer retornar ao lar, de querer ser apoiado e amado, cuidado, de querer encontrar o lugar do verdadeiro amor e aceitação, querer lembrar Aquilo que você é na Verdade: o Criador invulnerável.
De tempos em tempos, na consciência coletiva humana, tem havido um aparecimento da suave e tranquila Voz, um surgimento da energia Crística que disse: “Eu me conheço como mais do que apenas o físico.” E aqueles vieram como grandes mestres, pois eles foram chamados pela consciência humana que queria se lembrar. E estes mestres vieram tocar o fluxo da consciência sagrada, o fluxo da Energia divina da Existência, e eles trouxeram mensagens, ensinamentos, revelações que eles compartilharam. Estas mensagens eram de esperança, mensagens que diziam: “Eleve-se em seu pensamento. Tire o foco da pequena cena bem em frente do seu nariz e olhe para a luz da consciência superior.” E os mestres manifestaram coisas que pareciam milagres – de acordo com o pensamento coletivo – porque eles estavam vivendo no fluxo da consciência divina, sabendo-se como ilimitados.
E quando o tempo passou, o que eles compartilharam com os amigos, estudantes, discípulos, foi esquecido, colocado em segundo plano e eles mesmos foram considerados como sendo mais divinos do que o resto das pessoas, e eles foram adorados, colocados de lado pelos outros irmãos e irmãs. Você tem neste dia e tempo, muitos que me adoram, que não compreendem que eu falava do Cristo de todos nós.
E a sua adoração em relação a mim, conduz a mais divisão, pois eles  se apegam a sua pequena parcela de verdade e a defendem até à morte. Isto tem levado a muitas batalhas, muitas guerras “santas”, onde iriam tentar provar que a sua verdade era mais poderosa do que a verdade do outro, e que o seu Deus era mais poderoso do que o do outro.
Felizmente, há uma onda de consciência que começou bem antes do que você vê nesta existência, uma onda de consciência que está desejando se experienciar como mais do que apenas um indivíduo, uma vida, uma existência. Muitas vozes estão falando de paz, do valor da vida, de se interiorizar para ouvir a suave e tranqüila Voz, que contempla: “Talvez haja mais do que apenas o que eu experiencio com os cinco sentidos. Talvez haja mais do que apenas esta realidade.”
Você percebe que catalisador maravilhoso foi este pensamento? Este pensamento de que haja mais do que esta realidade, quando explodiu na consciência humana, foi o ponto decisivo do seu despertar. Foi o ponto onde a consciência humana começou a se ver como talvez parte de um todo maior. Agora, é claro, com a consciência humana sendo como foi, treinada para ser, acreditando na dualidade, a compreensão que: “Talvez eu seja parte de um todo maior”, tenha sido interpretada como “como eu sou inferior” – não a celebração que “Eu sou algo de um todo maior e como isto é maravilhoso”, mas “Como eu sou lamentavelmente pequeno. Há forças lá fora maiores do que eu. Eu posso ter que me defender.” Assim, quando houve a visita dos irmãos e irmãs do espaço, houve dentro da consciência coletiva uma reação natural de: “Como eu me defendo? Se eles vieram do espaço exterior – do qual eu tenho muito pouco conhecimento – a sua tecnologia deve ser maior do que a nossa”. E os seus líderes disseram: “Não podemos dizer isto a todos, porque haverá muito medo”.

Vocês foram visitados pelos irmãos do espaço, naturalmente. Vocês não estão sozinhos no universo. Louvada seja a Fonte celestial porque você não está sozinho. Louvada seja a Fonte celestial que esta existência não seja tudo o que você é. Você é parte de um todo muito maior e está chegando – você como indivíduo e como o coletivo – ao espaço de ser capaz de suportar este pensamento não no medo, mas na celebração. Saiba que na Verdade, você sempre encontra outro aspecto do seu Ser. Não há separação. Você não está separado da própria vida. Você não está separado da Energia criativa divina que você é. Você não pode estar separado do fluxo da divindade que você é. Você pode até se considerar como separado, mas na Verdade você não pode estar separado do fluxo divino da Energia criativa. Até quando você está usando este fluxo divino da Energia criativa para criar o que você vê como separação, você não está separado. Você é divino. Você é uma extensão da Existência, da Mente, e é maravilhoso agora que você tenha muitos pensadores, muitos videntes que estão dispostos a estar com uma nova idéia e acolhê-la.

Agora, com o influxo das novas energias neste planeta, você está começando a se lembrar da unidade com toda a vida. Você tem os mestres que falam neste dia e tempo de meditar com uma forma de vida, tal como uma árvore, uma flor, uma folha de grama, até o espaço onde há a unidade consciente com uma folha ou uma pétala de uma flor, para saber como é ser a vida nesta forma. Você pode se conhecer como dentro da mente do amado animal de estimação e comungar com ele. Isto requer muita paciência, mas na sabedoria dele, ele lhe permite a paciência. Você pode se sentir expandido além dos limites do corpo. Você pode se expandir para conhecer a sua aura e como ela se funde com a luz de outras formas de vida. Muitas formas de vida não conhecem a separação da maneira que a experiência humana declara a separação. Isto é porque quando você faz a prática de estar em harmonia com outras formas de vida, você entra na lembrança da Energia divina criativa da própria vida e se move além da separação que você considerou como verdadeira. Isto também o leva para um espaço menos arrogante de pensar que você é o único poder.

Cada crença que você mantém está enraizada na Verdade que: “Eu sou o poder Crístico”. Mas, no esquecimento, isto se tornou um pouco restrito, limitado, deformado na extensão da crença. Cabe aos homens, às mulheres, à humanidade neste ponto da evolução coletiva, acolher o ilimitado, brincar com o pensamento: “Sou parte de um todo maior. Estou preparado agora para lembrar tudo de mim, todas as minhas outras expressões. Estou preparado agora para acolher o pensamento de que há universos dentro dos universos, e eu, como um Filho sagrado e criador, tive uma parte na criação de todos estes universos. ’
Esta realidade é maravilhosa em sua criatividade. Deve ser celebrada, mas não é a única realidade. Não seja tão arrogante quanto a pensar que isto é tudo o que o seu Pai, a Fonte criadora, permitiria ser criado. Se isto fosse verdade, seria uma limitação.

Agora, ouça-me bem: Há realidades além da mais maravilhosa imaginação e você é livre para se entreter nestas realidades, até quando ativa o corpo presente. Você não tem que liberar o corpo a fim de conhecer o Eu em expansão. Você pode fazer isto em seus momentos de meditação, momentos em que está em harmonia com outra forma de vida, quando está contemplando: “Como seria a sensação de ser a energia da estrela mais distante, a energia poderosa da estrela mais brilhante, cuja luz não foi alcançada ainda nesta realidade, e eu fosse a energia pulsante desta estrela?” E você é. Entretenha-se com isto por algum tempo. Isto o levará além do que você vê como esta realidade. Isto o levará além de todas as pequenas coisas e lhe permitirá celebrar o seu Ser como eu o faço.

Viva na alegria. Saiba que na Verdade o Filho sagrado está despertando para a sua imensidão, sua criatividade, suas criações, não apenas neste reino, mas em todas as outras realidades que você possa imaginar, e mais. Use as novas energias que você chamou para que se expandam em seu Verdadeiro Eu, e manifeste o Céu na terra.

Celebre a evolução da consciência humana na Terra, pois ela chega ao espaço mais divino de recordar a Luz que dança no firmamento, a Luz que, na Verdade, existiu antes que o tempo começasse e existirá até quando o propósito do tempo tenha sido cumprido.

Que assim seja.

Jeshua ben Joseph (Jesus), expressando-se através de Judith Coates

Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br